Connect with us

Estado

Metrologia Estadual reforça que cuidados devem ser redobrados com pneus com a chegada do período chuvoso

Pista molhada requer pneus em bons estados de conservação e atenção redobrada de motoristas

Published

on

Equipe técnica da Metrologia Estadual orienta que consumidor deve verificar se os pneus têm o Selo do Inmetro

A previsão do tempo para os próximos dias no Tocantins é de pancadas de chuvas, inclusive para o feriadão do dia 12 de outubro, momento em que muitos planejam pegar a estrada para aproveitar o período. É importante que motoristas estejam sempre atentos à manutenção dos veículos e, especialmente, à verificação da qualidade e da vida útil dos pneus.

Com o foco de prover segurança ao consumidor, a Agência de Metrologia, Avaliação da Conformidade, Inovação e Tecnologia do Estado do Tocantins (AEM-TO), que é o órgão delegado do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), orienta à sociedade que é fundamental observar sempre os pneus e o indicador de desgaste da banda de rodagem, que não pode estar com menos de 1,6 milímetros.

Com a chegada das chuvas, é fundamental verificar o bom estado, se a calibragem esta baixa, fazer o alinhamento e o balanceamento dos pneus.

E, no caso da necessidade de substituição do produto, ao comprar o pneu novo, o consumidor deve sempre verificar se a mercadoria tem a presença da certificação do Inmetro, que fica na lateral do produto, parte conhecida como flanco. “É de extrema importância que o consumidor busque o Selo Inmetro durante a aquisição do produto. Ele é uma garantia que a mercadoria passou por testes e, nesse caso é, também, um item que envolve a segurança viária dos passageiros e do veículo”, aponta o presidente da AEM, Rérison Castro.

Pneus novos e reformados precisam passar por ensaios metrológicos

A equipe técnica da área de Qualidade da AEM explica que os pneus novos e reformados (recapados, recauchutados e remoldados) devem contar com o Selo de Conformidade do Inmetro como obrigatoriedade.

Para isso, o produto – seja novo ou reformado – é submetido aos ensaios metrológicos de velocidade sobre carga, com testes de resistência. E, nos ensaios, o pneu não pode apresentar nenhum tipo de deformação.

Desde o ano de 2018, é obrigatório que todos os pneus vendidos no Brasil informem ao comprador como se comportam na água, se ajudam a economizar combustível e quanto barulho os pneus fazem ao rodar. Essa classificação faz parte do Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), e é semelhante à que é usada para medir a eficiência energética de carros e eletrodomésticos.

Compra de pneus deve ser realizada no comércio formal

Para evitar problemas, o presidente da AEM, Rérison Castro, orienta que o consumidor deve sempre priorizar a aquisição dos pneus no comércio formal e que o consumidor deve sempre solicitar a nota fiscal da mercadoria. “Ela é também um documento para que o fabricante seja notificado em situações necessárias e é a garantia no caso de troca, manutenção, direitos e reclamações”, informa o gestor.

Caso o consumidor encontre pneus sendo comercializados sem o Selo do Inmetro, pode registar a ocorrência na Ouvidoria da Metrologia Estadual, por meio do endereço eletrônico ouvidoria@aem.to.gov.br. ou no telefone 3218-2076.

Precisa comprar um pneu? Fique atentos as dicas:

Na hora da compra do pneu consulte as especificações constantes no manual do fabricante do veículo e informe-se com o revendedor acerca dos cuidados com a manutenção.

Para a sua segurança, faça regularmente o balanceamento e o alinhamento das rodas e quando as mesmas sofrerem choque acentuado. O balanceamento é necessário também sempre que for efetuada a troca do pneu.

Rodas desbalanceadas ou desalinhadas provocam instabilidade no veículo e um maior desgaste dos pneus. O alinhamento (ângulos caster e camber) deve seguir as especificações do fabricante do veículo, para que o mesmo tenha uma perfeita condução em linha reta.

Verifique sempre o estado de conservação dos pneus. Obedeça ao Código de Trânsito Brasileiro.

Para entender melhor os tipos de pneus

  • Pneu novo é aquele que nunca sofreu uso ou reforma. Não tem sinal de envelhecimento de nem deterioração de nenhuma origem.
  • Pneu recapado é aquele que tem sua banda de rodagem substituída, ou seja, a parte do pneu que entra em contato com o solo.
  • Pneu recauchutado é aquele que tem a banda de rodagem e os ombros substituídos, ou seja, inclui também a parte externa e a lateral do pneu.
  • Pneu remoldado é aquele que tem a banda de rodagem, os ombros e toda a superfície dos flancos substituída.

 

O pneu novo é aquele que nunca sofreu uso ou reforma e não tem sinal de envelhecimento de nem deterioração de nenhuma origem

Técnicos da área de Qualidade acompanham a concessão de registro a uma empresa reformadora de pneus 
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Lidas