Connect with us

Geral

Vereador Jeferson reafirma terem recebido as supostas denúncias na Câmara; Nota da Vigilância aponta a não vacinação da presidente da APAE de Porto Nacional

Published

on

Por Romilton Pereira
Jornalista DRT 757 MTE-TO

 

O presidente da Comissão de Educação, Saúde e Assistência Social, da Câmara Municipal de Porto Nacional, vereador Jeferson Lopes, nesta quinta-feira 25/03, reafirmou que houve as 16 denuncias contra a Saúde Municipal, entre as denuncias está  a suposta vacinação de Ermínia da Trindade, presidente da APAE de Porto Nacional e de servidores da Associação.

Conforme a matéria veiculada no dia 25/03, (Clique aqui e leia a matéria), a presidente da APAE, informou que “Há comentários que (vacinei), mas eu não seria irresponsável, (…) jamais aproveitaria de uma oportunidade dessas, para me beneficiar, eu não vacinei”, disse Ermínia Trindade, à reportagem do Jornal Folha do Tocantins.

Ermínia, disse ainda na reportagem do dia 25/03, que 12 pessoas foram vacinas, “Os profissionais vacinados foram: Fonodiólogo, Fisioterapeuta, Assistentes Sociais, Psicólogo, Terapeuta Ocupacional, Técnicos de Enfermagem, dois auxiliar de Motorista, e duas Auxiliares que acompanham, que fazem a contenção na instituição, no total, foram 12 pessoas vacinadas na APAE de Porto Nacional”, ratificou na entrevista.

Ainda ontem, 25/03, através de Nota de Esclarecimento, a coordenadora de Vigilância Epidemiológica e imunização, Lillian Carolyne Flores, informou que Ermínia da Trindade Rodrigues Neres Alves, não vacinou contra a Covid-19, e que no sistema SIPNI informa que não possui dose aplicada com esse registro.

 

Confira a Nota de Esclarecimento da Vigilância

 

———————————————

Nota de Esclarecimento do Jornal Folha do Tocantins

Em nenhum momento do texto da Matéria (Presidente da APAE é envolvida em polêmica por receber suposta vacinação contra o Covid-19; Câmara de Porto cobra explicações), veiculado ontem (25/03), o Jornal Folha do Tocantins se posicionou afirmando que houve vacinação, mas que, a suposta vacinação da presidente da APAE de Porto Nacional, estava entre as denuncias recebidas pelo Poder Legislativo Municipal de Porto Nacional.

E que, toda e qualquer forma de Caluniar, Denegri e Difamar este veículo de Comunicação, os infratores estarão sujeitos às medidas legais cabíveis.

 

 

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Lidas